shadow

Em parceria exclusiva, Miguel Matos lança perfumes inspirados em Portugal.

Perfumart - post perfumes Miguel Matos

Pouca gente sabe, mas muito antes de existir uma versão brasileira para a enciclopédia virtual de perfumes – Fragrantica.com – os membros fluentes apenas em Língua Portuguesa já contavam com uma ajuda especial nos bastidores, vinda de um amigo lusitano chamado Miguel Matos.

Além de jornalista e editor do site Fragrantica, Miguel possui uma revista chamada Umbigo e escreve textos para museus e galerias. Colecionador de fragrâncias vintage, também é membro honorável da International Perfume Bottle Association. Começou a ter seu nome mais conhecido, entre os amantes de perfumes brasileiros, depois do lançamento do domínio nacional (.br) e de todo o trabalho de tradução necessário para a implementação do mesmo.

Com uma imensa bagagem sobre perfumaria, além de coberturas de eventos exclusivos da indústria e diversos artigos publicados, Miguel Matos se considera um Curador de Fragrâncias, sempre enxergando o perfume como uma expressão de arte contemporânea.

Post - coleção Miguel Matos

No início de 2016, Miguel começou uma colaboração com o perfumista alemão Sven Pritzkoleit no intuito de criar um perfume exclusivo, que seria chamado de Dirty Monoi. Com o passar do tempo, as ideias foram tomando vida e o projeto ficou maior, resultando em uma coleção encapsulada de não apenas uma, mas três fragrâncias sob sua direção criativa. O conceito é trazer perfumes que, de certa forma, são autobiográficos e foram inspirados em Portugal, país onde nasceu e vive até hoje.

Post - coleção Miguel Matos perfumista

Suntanglam evoca o cheiro de bronzeador solar que exalava nas praias de sua infância, no Algarve. Possui notas de chocolate, âmbar, cashmeran, além de um acorde exclusivo chamado Dirty Monoi (nome inicial do projeto), que possui nuances de coco, jasmim Sambac e ylang-ylang. Será vendido em frascos de 30ml Extrait de Parfum. Lisbon Blues evoca as sensações contraditórias que existem no Fado (expressão musical conhecida no mundo inteiro e de raiz essencialmente portuguesa): a tristeza e a alegria, a paixão e a dor, o ódio e o amor. Para tal, Miguel admite que sua inspiração veio de fragrâncias como Bandit e Cabochard e, por esta razão, sua fragrância conta com notas de gálbano, bergamota, tuberosa, acorde verde, incenso, civeta, entre outras. Também será vendido em 30ml Extrait de Parfum. O último deles, Funfair, representa o seu lugar favorito (Peniche) e onde se realiza a festa dedicada ao padroeiro dos pescadores. Segundo ele, durante as festas sempre é possível sentir o cheiro dos churros ainda quentes e dos incensos, tendo as flores da procissão como pano de fundo. Portanto, o perfumista reuniu notas de bergamota, cominho, jasmim, rosa Turca, canela, incenso, patchouli, extrato de fava tonka, entre outras notas, para dar vida às memórias olfativas de Miguel. Este perfume será vendido em concentração Eau de Parfum.

A trilogia dedicada à Portugal estará à venda, a partir de 01/02/2017, no próprio e-commerce da SP Parfums.Perfumart - post perfumes Miguel Matos

*Por ter sido publicado antecipadamente, este material não estará presente na Lista dos Lançamentos do mês de fevereiro.
**Imagens: reprodução – Fragrantica.com / SP Parfums website / acervo pessoal Miguel Matos. / Textos: edição Perfumart.


 

The following two tabs change content below.
Publicitário, amante da comunicação, blogueiro, apaixonado por fragrâncias e cosméticos em geral. É colecionador de perfumes, resenhista nacional e internacional, consultor particular de fragrâncias e dono de um grupo no Facebook voltado apenas para os homens. Criador e proprietário do Perfumart, site especializado em perfumaria.

Fique à vontade para deixar o seu comentário!

Translate »