shadow

BOGART POUR HOMME, DE JACQUES BOGART 

Perfumart - resenha do perfume Bogart - pour HommeMe lembro, perfeitamente, quando senti este perfume pela 1ª vez, em uma loja. Era lançamento na época, e eu não dei muita importância, pois o achei muito parecido com o Le Male, pelo menos na fita olfativa.

Com o passar dos anos, fui me tornando fã das fragrâncias da casa Bogart, por causa do sucesso que fazia ao usar o meu Silver Scent (na época, ninguém conhecia esse perfume). Então, anos mais tarde, comecei a receber pedidos para resenhar esta fragrância e, obviamente, a quantidade de elogios que leio e ouço a seu respeito aumentaram, ainda mais, a curiosidade por voltar a testá-lo na pele. E os elogios são mais do que merecidos!

Esta fragrância foi lançada em 2004 e possui notas de bergamota, lavanda e folhas aromáticas, na saída; lírio selvagem (também conhecido como lírio do vale ou muguet), rosa do Marrocos e flor de laranjeira, no coração; fava tonka, baunilha, patchouli, cedro Libanês e musgo de carvalho, na base.

O resultado é rico, potente, elegante e viciante. Se eu tivesse que tentar compará-la a outras fragrâncias, eu diria que é um misto de Le Male (1995) + Lolita Au Masculin (2000) + Bogart City Tower (2008). A lavanda está em perfeita harmonia com a rosa e a flor de laranjeira que é, na minha opinião, a nota que mais se destaca durante toda a evolução. Aliás, eu nem chamaria de evolução, mas de comportamento, já que o perfume se comportou de forma muito linear na minha pele. A fava tonka e o patchouli encerram, com maestria, esta composição.

Bogart pour Homme pode ser usado em ambientes formais, eventos noturnos e, até mesmo, em baladas. Particularmente, não acho que combina muito com jovens, mas se você é jovem e gosta de chamar atenção, então vale a pena conhecer esta fragrância, que projeta e gruda na pele daquele jeito que a gente tanto gosta e que a casa Bogart faz tão bem.


The following two tabs change content below.
Publicitário, amante da comunicação, blogueiro, apaixonado por fragrâncias e cosméticos em geral. É colecionador de perfumes, crítico de fragrâncias nacionais e internacionais, consultor particular de estilo em perfumaria e dono de um grupo no Facebook voltado apenas para os homens. Criador e proprietário do Perfumart, portal especializado em perfumaria.

15 comments on “BOGART POUR HOMME, DE JACQUES BOGART 

  1. tiago henrique

    há pouquíssimas resenhas no brasil sobre esse perfume, parabéns por essa, é um perfume que desperta curiosidade de muitos que olham seu frasco pela primeira vez, pois o mesmo já inspira a elegância e a personalidade que esse perfume deve ter, ainda mais por ser dessa marca que tem uma ótima credibilidade no mercado de perfumes.

  2. Gosto e leio muito suas resenhas fantásticas. Fiquei numa grande dúvida ao ver esta pois o perfume da ilustração é com fundo amarelado. Procurei na internet e vi vários porém com fundo azulado. Detalhe mesmo nome e todos EDT. Tem alguma diferença entre eles?

    • Que eu saiba não. Dá uma olhada nas imagens do Google e vc vai ver que a maioria é assim. O azulado deve ser algum efeito da foto para fins editoriais, a não ser que tenham feito repackaging e eu não fiquei sabendo.

  3. Guilherme

    Esse perfume é ótimo,o melhor custo benefício que conheci,criado por um perfumista que entende do assunto,muito elegante,se fosse de uma grande grife estaria muito mais “hypado”.

  4. Érico

    Esse é mais moderno qe o One Man Show Gold edition? Porque este me parece ser muito cheiro dos anos 80, aquele choro bem forte e adocicado, que eu particularmente não gosto muito, gosto de cheiro nem um pouco doce!
    Qual dos dois você me indicaria?

    • Érico, o One Man Show Gold Edition é muito mais forte. Mas este aqui tem uma pegada mais “atemporal” para muitos homens.
      Não indicaria nenhum dos dois, já que vc não gosta de nada doce. Aliás, não costumo indicar perfumes…a não ser para meus clientes de consultoria, quando estou trabalhando no perfil olfativo.
      No seu caso, indico conhecer em uma loja ou partir para fragrâncias aromáticas, que sempre agradam àqueles que fogem dos perfumes adocicados ou doces.

  5. Waldecir

    Boa tarde Cassiano, li uma resenha onde compararam a saída deste perfume ao Individual e ao Armani Code, realmente lembra a ambos

  6. sol Pires

    Li em uma resenha que ele se parece muito com o UDV for man. Esta informação procede?

    • Não na minha pele. Do contrário, eu teria citado isso na resenha. Porém, não duvido das opiniões de outros resenhistas, pois sei que perfume reage de forma diferente de pele para pele.

  7. Paulo

    Ele ou o one man show G.E.?

  8. ÍTALO

    Boa tarde. Pela descrição me parece muito parecido com Ted Lapidus Pour Lui. Vale a pena ter os dois na coleção ou apenas um já supre as necessidades nessa linha olfativa? Abraço!!

    • Oi Ítalo. Eu sempre acho que perfumes podem ser parecidos, mas cada um se desenvolve de forma diferente. É raro de minha parte, afirmar que quem tem o perfume X não precisa ter o perfume Y. Eles precisam ser muito iguais para que eu diga isso!
      Mas você não está errado: eles são parecidos sim, sendo que o TL evolui mais docinho, por causa da baunilha. O Bogart é mais contido, mais sério.

Fique à vontade para deixar o seu comentário!

Translate »