shadow

CAPTAIN FOR MEN, DE MOLYNEUX 

Perfumart - resenha do perfume Molyneux - CaptainLançado em 1975, este clássico já sofreu algumas mudanças que vão desde a sua roupagem à sua fragrância. E embora não possua mais a mesma opulência dos tempos áureos da perfumaria, ainda permanece um belo fougère. Contém notas de lavanda, almíscar, limão e acorde de notas marinhas. Há quem diga que, mesmo após as reformulações, ainda ficaram notas de patchouli e baunilha.

O meu frasco foi esse da foto (que acabou indo parar no armário do meu pai). Não sei qual é a versão, exatamente, mas é o frasco mais feio de todos os perfumes Captain já lançados até hoje. Ao ser borrifado na pele, lembra o aroma das loções pós-barba de antigamente, mas esta sensação é efêmera, pois a lavanda é bem forte e passa a ideia de refinamento. Ao mesmo tempo, existe uma nuance de algo salgado, como o aspecto de algas marinhas, uma leve maresia.

Não apresentou muita evolução e a fixação também não foi tão boa, na minha pele. Depois de 4 horas, não conseguia sentir mais a fragrância. Mas é uma ótima opção para usar após o banho, um dia na praia, um momento de relaxamento, etc. Ouso dizer que é uma versão marinha do Pour Un Homme de Caron.


The following two tabs change content below.
Publicitário, amante da comunicação, blogueiro, apaixonado por fragrâncias e cosméticos em geral. É colecionador de perfumes, resenhista nacional e internacional, consultor particular de fragrâncias e dono de um grupo no Facebook voltado apenas para os homens. Criador e proprietário do Perfumart, site especializado em perfumaria.

Fique à vontade para deixar o seu comentário!

Translate »