KENZO

Perfumart - logo kenzo

Kenzo é uma casa de luxo francesa, fundada em 1970, pelo designer japonês Kenzo Takada. Ele nasceu em Himeiji, no Japão, em 1940 e seu interesse pela moda se desenvolveu em tenra idade, através da leitura das revistas de sua irmã. Com 18 anos, seguindo os desejos de seus pais, frequentou a Universidade de Kobe para estudar literatura. Insatisfeito e entediado, partiu para o Bunka Fashion College de Tóquio – contra a vontade de seus pais – onde ele foi um dos primeiros alunos do sexo masculino a ser admitido.

Em 1964, se mudou para Paris a fim de iniciar sua carreira de moda. Levou algum tempo para se ambientar mas, finalmente, começou a fazer seus desenhos de moda (conhecidos como sketches). Os revolucionários trajes da Courreges foram a inspiração para uma série de 30 desenhos que ele fez, cinco dos quais foram aceitos pelo designer Louis Feraud.

Kenzo se tornou conhecido por usar o estilo asiático influenciando peritos da alta moda europeia. Em 1970, ele fundou a sua primeira butique, chamada Jungle Jap, que ocupou o lugar de uma antiga loja de roupas na Gallerie Vivienne. Foi também o local do seu primeiro desfile. Mais tarde, a loja mudou-se para outro endereço, no nº28 da Passage Choiseul, onde suas roupas começaram a atrair mais atenção do público.

Seus projetos ganharam destaque na revista Vogue, em 1971, e a sua primeira coleção masculina foi lançada em 1983.

A divisão de perfumes – Kenzo Parfums – foi criada em 1987 e o primeiro lançamento oficial foi Kenzo de Kenzo, em 1988, um perfume cujo nome foi mais tarde alterado para Kenzo Ça Sent Beau (que se significa “cheiro bom”). Desde então, inúmeras fragrâncias bem-sucedidas chegaram ao mercado, incluindo o icônico Kenzo Pour Homme, de 1991 (renomeado para Kenzo Homme) e o cheiro emblemático da empresa: Flower by Kenzo, de 2000.

Porém, há uma curiosidade na história de Kenzo Takada com relação à perfumaria. Em 1978, Kenzo havia lançado o perfume King Kong, seguindo o tema de sua loja Jungle Jap. Isso mostra que o estilista já estava interessado em fragrâncias bem antes de lançar uma divisão de perfumes.

Em 1993, a Kenzo Parfums passou a fazer parte do conglomerado multinacional de luxo LVMH. Kenzo Takada se aposentou em 1999, embora continue atuando no ramo de decoração, designer e fragrâncias, ao se unir, recentemente, com a Avon International.

A marca Kenzo tem mais de 100 perfumes catalogados e comercializados ao longo dos anos. Suas fragrâncias foram feitas por perfumistas de renome mundial, como Maurice Roucel, Francoise Caron, Sophia Grojsman, Francis Kurkdjian, Antoine Lie, Annick Menardo, Olivier Polge, Olivier Cresp, Amandine Marie, Dominique Ropion, François Demachy, entre outros.


 

FACEBOOK >>

Twitter >>

Instagram >>