shadow

LUMINESCÊNCIA, DE AMBERFIG

Perfumart Resenha Luminescência

Esta criação foi feita, tendo a luz como inspiração. A luz que está presente no raiar de um novo dia, no raciocínio, etc. Segundo o perfumista da casa, David Magalhães, esta fragrância foi idealizada para encarar dias difíceis, quando é preciso estabelecer um diálogo com a alma.

É composta por notas de limão Siciliano maduro, óleo essencial de bergamota Italiana, petitgrain, manjericão verde e cardamomo, na saída; néroli, lavanda e verbena branca, no coração; cedro da Virgínia, baunilha e âmbar, na base.

Ao tocar a pele, o primeiro lampejo que temos é de estarmos na Costa Italiana. Mais uma vez, a qualidade é a mesma de fragrâncias de teor natural, bem diferentes do aroma cítrico e comum, de outros perfumes que possuem notas de limão e bergamota. O manjericão dá o equilíbrio inicial, mas o cardamomo passou despercebido ao meu olfato. O néroli é a grande estrela desta composição, pois caminha por todas as etapas da evolução, de forma primorosa. A verbena foi uma grande surpresa para mim. Por fim, o âmbar terroso e as nuances amadeiradas do cedro, sustentam o brilho desta fragrância chamada Luminescência. Não sinto a baunilha na minha pele, mas também, não sei se ela faz falta. Gosto do jeito que está!

Diferente de Oriental Noir e Yasamin, a projeção desta fragrância é bem mais contida. É preciso caprichar mais nas borrifadas para conseguir um melhor resultado. A fixação é boa, mas o cheiro fica muito rente à pele.


The following two tabs change content below.
Publicitário, amante da comunicação, blogueiro, apaixonado por fragrâncias e cosméticos em geral. É colecionador de perfumes, resenhista nacional e internacional, consultor particular de fragrâncias e dono de um grupo no Facebook voltado apenas para os homens. Criador e proprietário do Perfumart, site especializado em perfumaria.

Fique à vontade para deixar o seu comentário!

Translate »