shadow

ORIGINAL AOUDS, DE MONTALE

Perfumart - resenha do perfume Montale - Original AoudsTambém conhecido como Bois de Aoud, este perfume tem a tão famosa nota de Aoud (conseguida através de um óleo feito com a resina da casca da Aquilara, um tipo de árvore que só produz esta resina com cerca de 50 anos de vida) acrescida de maravilhosos tons amadeirados e almíscar.

Trata-se de um perfume com uma saída forte e com aquele aroma medicinal característico de aoud, que só dá uma aliviada depois de uns 20 minutos de aplicado. Depois, evolui – de forma muito sutil – para um amadeirado muito bem balanceado com um toque de almíscar ao fundo, sem perder, entretanto, suas raízes de aoud. Ele grita: “sou feito de aoud e morrerei exalando aoud!”.

Não sei se este também é classificado como unissex, mas eu só consigo enxergá-lo como masculino. Se eu pudesse aproximá-lo a algum outro perfume que eu conheço, em termos de aroma, eu diria que ele é um “primo rico” do Gucci Pour Homme, pois cresceu em “berço de aoud”…risos. Depois de umas 3 horas na pele, ele acalma bastante e fica mais suave, cremoso-resinoso, com menos explosão e projeção. Mas a fixação é digna de um Montale.

A minha observação final vai para o fato de que muitos criticam a linha Montale como sendo “desnecessário tamanho número de perfumes acerca de um mesmo tema, se todos acabam sendo tão parecidos”. Ainda, costumam dizer que: “basta ter o Dark, o Red e o Black e você estará bem servido”. Bem, como eu disse, a nota de aoud é muito forte e ela nasceu pra ser a protagonista. Nos Montales, principalmente, ela é muito rica e é como o DNA de uma família: ela está ali para que todos reconheçam que tratam-se de Montales (assim como a guerlinade, nos Guerlains).

As diferenças entre eles são as notas que compõem cada criação, que seriam como as características únicas que existem entre irmãos, mesmo que gêmeos. E só sabe distinguir, quem convive e quem tem uma percepção um pouco mais apurada, como acontece com os pais. Portanto, eu defendo que, embora similares, não são iguais e não se tornam repetitivos. Talvez, seja questão de pele: em uns, só o aoud sobressai e fica tudo parecido.


The following two tabs change content below.
Publicitário, amante da comunicação, blogueiro, apaixonado por fragrâncias e cosméticos em geral. É colecionador de perfumes, resenhista nacional e internacional, consultor particular de fragrâncias e dono de um grupo no Facebook voltado apenas para os homens. Criador e proprietário do Perfumart, site especializado em perfumaria.

Fique à vontade para deixar o seu comentário!

Translate »