shadow

CAPTAIN FOR MEN, DE MOLYNEUX (1994)

Perfumart - resenha do perfume Molyneux - CaptainLançado em 1975, este clássico já sofreu algumas mudanças que vão desde a sua roupagem à sua fragrância. E embora não possua mais a mesma opulência dos tempos áureos da perfumaria, Captain For Men ainda permanece um belo fougère. Contém notas de lavanda, almíscar, limão e acorde de notas marinhas. Há quem diga que, mesmo após as reformulações, ainda ficaram notas de patchouli e baunilha.

O meu frasco foi esse da foto (que acabou indo parar no armário do meu pai). Demorei a descobrir a versão, mas hoje já sei que foi lançada em 1994. É o frasco mais feio de todos os perfumes Captain já lançados até hoje.

Ao ser borrifada na pele, a fragrância lembra o cheiro das loções pós-barba de antigamente, mas esta sensação é efêmera, pois a lavanda é bem forte e passa a ideia de refinamento. Ao mesmo tempo, existe uma nuance de algo salgado, como o aspecto de algas marinhas, uma leve maresia.

Na minha pele, esta versão de Captain For Men não apresentou muita evolução e a fixação também não foi tão boa. Depois de 4 horas, não conseguia sentir mais a fragrância. Mas é uma ótima opção para usar após o banho, um dia na praia, um momento de relaxamento, etc. Ouso dizer que é uma versão marinha do Pour Un Homme de Caron.


The following two tabs change content below.
𝘽𝙤𝙧𝙧𝙞𝙛𝙖𝙣𝙙𝙤 𝙘𝙤𝙣𝙝𝙚𝙘𝙞𝙢𝙚𝙣𝙩𝙤 𝙝𝙖́ 𝙖𝙣𝙤𝙨. Crítico de fragrâncias, jurado de premiações nacionais nas categorias de perfumaria fina e cosméticos masculinos, além de consultor particular de estilo em fragrâncias e criador do Perfumart, blog especializado no assunto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: