shadow

LA FLEUR, DE MAHOGANY

Perfumart - resenha do perfume Mahogany - La Fleur

La Fleur (A Flor, em Português) foi lançado em 2016, em comemoração pelos 25 anos da Mahogany. Seu frasco marcou uma nova identidade visual para a divisão de fragrâncias da empresa e foi produzido pela Premier Pack, com pintura degradê em duas cores e gravação em cor dourada. E foi, sem dúvidas, um dos melhores investimentos que a Mahogany fez, levando-se em consideração que a beleza do frasco ainda está muito atrelada à satisfação e ao processo de compra, quando o assunto é perfumaria. E deixo aqui mais um elogio: o spray borrifa uma bruma leve e ampla.

A fragrância de La Fleur foi criada para transmitir alegria, através da explosão de um buquê de rosas e frutas vibrantes. A composição oficial cita notas de saída de mandarina, pera, especiarias frias, framboesa e toranja rosa. No corpo, traz notas de peônia, muguet, buquê de rosas, magnólia e almíscares. E na base, combina notas de madeiras ambaradas, cedro branco, sândalo, baunilha e patchouli.

Na pele, La Fleur funciona como um belo floral-frutal. É aquele tipo de perfume com saída ardida, por causa da framboesa, que confere um aspecto azedinho-doce. Passada esta etapa, o que fica é um buquê floral leve e jovial, com jeitão de manhã de primavera e mais presença da peônia e da magnólia do que da rosa, ainda que o conceito criativo diga o contrário. Também dá para notar o muguet, mas nada exagerado. No fundo, o almíscar confere uma certa profundidade à fragrância, mas não espere algo adocicado por causa da baunilha, pois isso não existe aqui.

La Fleur é um perfume discreto, no final das contas. Começa intenso, mas perde força muito rápido. Não possui boa projeção, ainda que se mantenha por mais de seis horas sobre a pele. Também é um perfume bastante versátil. Parece aquele tipo de flor que nasce no meio de frestas entre rochas, ou seja, se encaixa em qualquer espaço. Na minha opinião, é bom para quem trabalha em locais pequenos, dividindo espaço com outras pessoas ou, ainda, para quem só investe em fragrâncias de perfil suave, sem abrir mão da elegância.


 

The following two tabs change content below.
𝘽𝙤𝙧𝙧𝙞𝙛𝙖𝙣𝙙𝙤 𝙘𝙤𝙣𝙝𝙚𝙘𝙞𝙢𝙚𝙣𝙩𝙤 𝙝𝙖́ 𝙖𝙣𝙤𝙨. Crítico de fragrâncias, jurado de premiações nacionais nas categorias de perfumaria fina e cosméticos masculinos, além de consultor particular de estilo em fragrâncias e criador do Perfumart, blog especializado no assunto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: