shadow

MISS DIOR BLOOMING BOUQUET (2014), DE DIOR

Perfumart - resenha do perfume Dior - Miss Dior Blooming Bouquet

O perfume Miss Dior foi lançado em 1947, quando Christian Dior decidiu apresentá-lo junto com o seu primeiro desfile. Seu sucesso impulsionou a criação de mais de 20 variações, servindo de pilar para o lançamento de novas linhas e edições limitadas. Em 2005, Miss Dior Chérie foi lançado e um de seus flankers se chamou Miss Dior Chérie Blooming Bouquet, lançado em 2008 e reformulado em 2011. Porém, em 2012, a Dior decidiu renomear a família de fragrâncias, acabando com o nome Chérie.

É preciso contar um pouco da história para explicar que o perfume Miss Dior Blooming Bouquet, da qual trata esta resenha, é a versão “atualizada” das antigas fragrâncias Blooming Bouquet da linha Chérie, que sempre tiveram a peônia como ingrediente-chave.

A composição traz a bergamota da Calábria, revelando com seu frescor as notas de corpo, que carregam um delicioso buquê floral e delicado, obtido através da peônia e do absoluto de rosa Damascena, além de um acorde de pêssego. A base traz um almíscar branco e vívido, que confere ainda mais suavidade e ganha peso com um toque de patchouli.

Na pele, a saída é levemente azeda e evolui rapidamente para uma fragrância floral e vibrante, de estilo jovial. A peônia ainda desempenha bem o seu papel, mas já não reina absoluta como antes, pois é difícil disputar espaço com a rainha das flores. Deste ponto em diante, a evolução se torna mínima, quase nula, conforme os minutos passam. Utilizado com sabedoria, o almíscar dá novos sopros de vida e prolonga a durabilidade da fragrância.

Miss Dior Blooming Bouquet (2014) é suave, porém persistente. Por vezes parece tímido, mas tem aquela pitada de sedução que funciona sob o véu da timidez. É fresco, floral e denota qualidade. É como um passeio pelos jardins de rosas de Christian Dior, antes das cinco da manhã, quando as mesmas começam a desabrochar.


 

The following two tabs change content below.
𝘽𝙤𝙧𝙧𝙞𝙛𝙖𝙣𝙙𝙤 𝙘𝙤𝙣𝙝𝙚𝙘𝙞𝙢𝙚𝙣𝙩𝙤 𝙝𝙖́ 𝙖𝙣𝙤𝙨. Crítico de fragrâncias, jurado de premiações nacionais nas categorias de perfumaria fina e cosméticos masculinos, além de consultor particular de estilo em fragrâncias e criador do Perfumart, blog especializado no assunto.

One comment on “MISS DIOR BLOOMING BOUQUET (2014), DE DIOR

  1. Glicia Dias da Silva

    Olá, meu nome é Glicia. Perfumes, eis a dúvida cruel, pois sempre quando vou comprar, a maioria dos perfumes, ao fixar em minha pele não me agradam, pois no início é uma maravilha depois muda a fragrância para amadeirado o que não me faz bem. Gostaria de uma fragrância que combine comigo como almíscar algo do gênero. Obrigada em poder compartilhar, da minha experiência. Gostaria de saber se tem alguém com este problema ou eu sou a única.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *