shadow

MULA MULA, DE BYRON PARFUMS

Perfumart - resenha do perfume Byron - Mula Mula

Mula Mula foi lançado em 2018 e é classificado, pelo fabricante, como um oriental-especiado. Seu nome soa estranho em nossa língua materna, mas significa uma gíria norte-americana que caracteriza dinheiro vivo.

A composição oficial lista notas de cabeça de pêssego, frutas vermelhas, caramelo, açafrão e couro, abrindo caminho para um corpo quente com notas de ládano, cypriol, bagas rosas e gengibre, que evolui para um fundo composto por notas de benjoim, almíscar, oud, bálsamo do Peru, patchouli e baunilha.

Mula Mula é uma daquelas fragrâncias capazes de conquistar de imediato e isso explica o imenso hype criado por influenciadores internacionais. Não me recordo de ter sentido um perfume com saída similar à deste, na qual o pêssego é caramelizado e esfumaçado, como se houvesse uma nota de incenso no topo da pirâmide olfativa. Diferente da minha experiência com a fragrância de 0.9, na qual a nota de açafrão parece não existir, aqui ela se faz presente e bem equilibrada junto com o couro, de aspecto macio e elegante.

Conforme evolui, Mula Mula desenvolve nuances resinosas e balsâmicas, ora trazendo um cheiro frutado gourmand, graças à presença do benjoim e do bálsamo do Perú, ora trazendo um cheiro amadeirado-esfumaçado, por causa das notas de ládano, oud, patchouli e, sobretudo, cypriol (também conhecido como Nagarmotha). Mas não espere que a nota de oud seja muito evidente, pois não é. 

Além de ser prazeroso, Mula Mula é um perfume mutante. Tem vezes que realça mais o aspecto gourmand e dá destaque para o caramelo e a baunilha, indo ao encontro do gosto feminino; outras vezes se comporta mais seco e com nuances quase alcoólicas (que lembram um licor de cerejas), chamando atenção do público masculino.

Comparando com Pirates e 0.9, Mula Mula é a fragrância que mais gosto, definitivamente. Porém (sempre há um), não acho possível usá-la naqueles dias de verão brasileiro, quando o calor está no seu ápice e as temperaturas chegam na casa dos 40ºC sem esforço.

Se você já teve (ou tem) um flerte com aquelas fragrâncias mais doces do mercado, que sempre geram inúmeras variações (flankers) e não desapontam com relação à projeção ou longevidade, então Mula Mula é mais um perfume para a sua lista de desejos.


 

The following two tabs change content below.
Publicitário, amante da comunicação, blogueiro, apaixonado por fragrâncias e cosméticos em geral. É colecionador de perfumes, crítico de fragrâncias nacionais e internacionais, consultor particular de estilo em perfumaria e dono de um grupo no Facebook voltado apenas para os homens. Criador e proprietário do Perfumart, portal especializado em perfumaria.

2 comments on “MULA MULA, DE BYRON PARFUMS

  1. Jonas belo

    Que maravilha de texto, se o criador desta obra prima (Byron) pudesse ler o texto em português tenho certeza de que ele se sentiria feliz por ver sua obra tão bem resenhada. E falo isso sem conhecer o Mula Mula que aliás já está na minha lista de desejos. Parabéns Cassiano por nos contar sobre a marca e também por nos apresentar o Mula Mula. Perfumart sempre é sinônimo de aprendizado. Muito grato!!😍👍👏

    Jonas Belo.

Fique à vontade para deixar o seu comentário!

Translate »