shadow

SCUDERIA FERRARI FORTE FOR MEN, DE FERRARI

Perfumart - resenha do perfume Ferrari - Scuderia Ferrari ForteScuderia Ferrari Forte foi anunciado em junho deste ano e já chegou às principais lojas brasileiras, para alegria dos amantes da marca, em especial do famoso Scuderia Ferrari Black. Apesar de ter sido lançado em 1999 e relançado em 2013, já com novo nome e repackaging, este perfume ainda vende milhares de unidades por mês, de acordo com informações que recebi da própria gerente da marca no Brasil.

Esse tipo de informação ratifica que o mercado consumidor não se restringe ao que se vê por aí em fóruns e redes sociais. Apesar de muitos torcerem o nariz para as fragrâncias da marca, ainda há uma imensa parcela de usuários que se identificam com o prestígio da grife e com as suas fragrâncias. E não se deixem enganar, pois eu mesmo conheço pessoas com bom poder aquisitivo e que não abrem mão de um frasco da versão Black em suas coleções.

O novo Scuderia Ferrari Forte chega em um momento no qual a Ferrari já está reposicionada no mercado com as suas divisões bem estabelecidas: a Scuderia – que simboliza a presença dentro do mundo da Fórmula 1 – e a Cavallino – que explora a paixão pela elegância e luxo dos carros esportivos Ferrari, com fragrâncias inspiradas no estilo de vida Gran Turismo, e que ganhou reconhecimento através da Essence Collection.

A maior novidade desta vez, deve-se ao fato de ser o primeiro perfume da linha Scuderia em concentração Eau de Parfum, uma nova realidade que tem ganhado força, principalmente, no mercado da América Latina.

Scuderia Ferrari Forte tem um conceito amplo e a palavra Forte ganhou outras proporções na campanha publicitária, que foi filmada em Fortaleza, justamente pelo peso que o mercado brasileiro representa para a grife em volume de vendas. No filme para veiculação, os principais pontos turísticos da cidade serviram de locação para cada momento representado através do termo Forte, a saber: Free, Original, Real, Tenacious e Emotional.

A fragrância foi criada por Maurice Roucel, que dispensa comentários, e possui notas de maçã crocante, limão Italiano e abacaxi, na cabeça. Em seguida, canela do Ceilão, flor de laranjeira e ameixa compõem o corpo, que caminha para uma base de cedro, baunilha de Madagascar e patchouli caramelizado.

O resultado é um perfume de saída frutada e suculenta, que não se torna enjoativa graças à presença do limão. Por incrível que pareça, a maçã e o abacaxi estão perfeitamente balanceados e trazem um ar de modernidade. Conforme evolui, a ameixa cobre o teor efervescente da flor de laranjeira, como se fosse uma camada suave de veludo. Sem ela, provavelmente teríamos uma fragrância que caminharia rumo à mesma proposta de Silver Scent, por exemplo. Contudo, a nota de canela não ficou muito perceptível em mim. Por fim, a base demora para aparecer, mas quando surge traz um lado mais denso e encorpado, no qual percebo bem o cedro e o patchouli, não a baunilha. A propósito, me perguntaram se esse perfume tinha algo de caramelo, ou seja, a tal nota de patchouli caramelizado está surtindo efeito.

Scuderia Ferrari Forte não é, na minha opinião, uma espécie de flanker do Black, embora possa parecer. É uma nova fragrância, que segue o mercado atual de perfumes compartilháveis, frutados e adocicados, que fazem sucesso na noite, mas também podem ser usados durante o dia. E cá entre nós, em um mercado de variações completamente descabidas, além do fato de utilizar o mesmo frasco, eu não estranharia se viesse com o nome de Scuderia Ferrari Black Forte. Nesse aspecto, sou obrigado a elogiar a grife, mais uma vez, por não ter seguido a tendência de outras marcas. 

Para encerrar esta análise, resta falar que a fragrância não possui uma projeção absurda, mesmo sendo Eau de Parfum. Ela ganhou força e sinto que exala bem, mas só em mim e para quem está perto, realmente perto. Não é um perfume que deixa rastro. Em contrapartida, perto das demais fragrâncias da linha Scuderia, a fixação melhorou muito, durando mais de nove horas na pele.


 

The following two tabs change content below.
𝘽𝙤𝙧𝙧𝙞𝙛𝙖𝙣𝙙𝙤 𝙘𝙤𝙣𝙝𝙚𝙘𝙞𝙢𝙚𝙣𝙩𝙤 𝙝𝙖́ 𝙖𝙣𝙤𝙨. Crítico de fragrâncias, jurado de premiações nacionais nas categorias de perfumaria fina e cosméticos masculinos, além de consultor particular de estilo em fragrâncias e criador do Perfumart, blog especializado no assunto.

2 comments on “SCUDERIA FERRARI FORTE FOR MEN, DE FERRARI

  1. Filipe

    Bem, por ter uma concentração edp o esperado é justamente que não tenha grande projeção e sim melhor fixação. A crítica perde um pouco do respaldo quando fala “não possui uma projeção absurda, mesmo sendo Eau de Parfum”.

    • Essa é a sua opinião e eu respeito. Da mesma forma, espero que você respeite a minha, colocada aqui por escrito.
      Acho que você está enganado sobre a percepção do que é o esperado. Quanto maior a concentração, maiores costumam ser a sillage e o drydown, diretamente ligados à projeção e à fixação.
      Há uma lenda de que perfume EDT exala mais do que EDP, mas não é algo oficial, até porque, como já dito, a concentração de óleos essenciais do primeiro é menor. É esperado, sim, que o perfume com maior concentração exale mais e dure mais. Por isso, escrevi o trecho que você citou acima, porque o público, de forma geral, espera que uma fragrância Eau de Parfum seja uma “bomba de projeção”. O resto, é uma questão de interpretação. Mesmo assim, agradeço a participação. É para isso que os comentários são permitidos e a discussão é válida.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: