shadow

SILVER MAN, DE AMOUAGE

Perfumart - resenha do perfume Amouage-Silver-ManSilver Man foi lançado em 2002 e, naquela época, se chamava Silver Cologne. A razão da mudança é desconhecida, embora eu tenha pesquisado sobre o assunto e acabei me deparando com uma informação diferente do que é divulgado: parece que Silver Cologne foi lançado, na verdade, em 1998 e a mudança do nome se deu em 2002, embora não tenha ocorrido reformulação nesse tempo.

A perfumista foi Evelyne Boulanger, que já assinou criações para Comme des Garçons, Armani, Givenchy, O Boticário, Jacques Bogart, entre outras marcas de renome.

De acordo com a empresa, Silver Man possui notas de bergamota, mandarina, ameixa e flor de laranjeira, no topo da pirâmide olfativa. Em seguida, o coração é enriquecido com notas de jasmim, rosa, orquídea, ylang-ylang e heliotrópio. Na base, temos notas de âmbar, almíscar, patchouli, sândalo e olíbano (frankincense).

É descrito como um perfume amadeirado-especiado com nuances acentuadas de flor de laranjeira e mandarina. Mas, na minha pele, se comportou mesmo como um belo floral-metalizado, perfeitamente compartilhável e muito coerente com seu nome. Em Inglês, a palavra silver significa prata e está ligada a tudo desse universo.

Silver Man toca a pele de forma grosseira, sem piedade e sem medo de ofender. A flor de laranjeira e a mandarina conferem acidez cítrica, que é balanceada pela nota de ameixa – linda, suculenta e levemente adocicada. O perfil floral vem com o coração, mais leve e estranhamente metalizado. É comum vermos fragrâncias com esse aspecto, através do uso de aldeídos e notas de violetas. Mas aqui, esse aspecto metálico vem da rosa, de forma muito prazerosa. Particularmente, eu adoro! A flor do ylang-ylang costuma apresentar nuances adocicadas, exóticas, mas também não é assim que se comporta nesta criação. Ela não está aqui para tirar a atenção do que realmente importa. E lá no final da jornada, quando a evolução se completa, sinto a luminosidade do almíscar e a cremosidade do sândalo.

Silver Man não é o perfume mais complexo da casa e, com certeza, não é o que mais simboliza a rota Oriental traçada pela empresa. Mas é um perfume extremamente elegante, versátil, cheio de projeção e durabilidade.

Silver Man é o próximo passo para amantes de fragrâncias que seguem esse estilo, como Chanel Platinum Égoïste, por exemplo. E digo mais: se uma empresa do mercado de massa conseguisse reproduzir algo parecido, seria um enorme sucesso de vendas.


 

The following two tabs change content below.
𝘽𝙤𝙧𝙧𝙞𝙛𝙖𝙣𝙙𝙤 𝙘𝙤𝙣𝙝𝙚𝙘𝙞𝙢𝙚𝙣𝙩𝙤 𝙝𝙖́ 𝙖𝙣𝙤𝙨. Crítico de fragrâncias, jurado de premiações nacionais nas categorias de perfumaria fina e cosméticos masculinos, além de consultor particular de estilo em fragrâncias e criador do Perfumart, blog especializado no assunto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: