shadow

CAFE DIEM, DE PK PERFUMES 

Perfumart - resenha do perfume PK Perfumes - Cafe DiemCafe Diem: o nome brinca com a famosa expressão “Carpe Diem”, do latim, que significa “Aproveite o Dia”. Por aí, já se pode ver que a criatividade é algo que está sempre presente nas criações do perfumista Paul Kiler.

Mas será que o nome combina com o produto? Bem, na minha análise, após três testes seguidos, eu diria que sim e irei explicar o meu ponto de vista nesta resenha.

Para começar, existe uma expectativa muito grande sobre perfumes que levam notas de café, já que o usuário sempre espera que a nuance do café seja dominante, como se alguém tivesse derramado uma xícara de café quente sobre a pele. Não funciona desse jeito! Às vezes, tal nota funciona como um coadjuvante na história, mas é ela quem recebe o Oscar. O mesmo acontece com fragrâncias que levam baunilha, chocolate, etc.

Cafe Diem foi lançado em 2012 e possui, em sua composição oficial, notas de grãos de café brasileiro, sálvia, absinto, canela, cravo (a especiaria), cardamomo, noz-moscada, Madeira de Hinoki (cipreste de origem japonesa) e whisky, na saída; Absoluto de mimosa, rosa, jasmim e olíbano (frankincense), no coração; Sândalo, vetiveres da Indonésia e de Bourbon, baunilha, fava tonka, cedro, madeiras, âmbar, almíscares e mais incensos, na base.

Com todas essas notas, só existe uma viagem a ser feita: fechar os olhos e se deixar levar para uma tabacaria, rica em aromas, fumaça e homens que se sentam para tomar um café, acompanhado de um belo licor ou outra bebida alcoólica, enquanto degustam de seus charutos e cachimbos. E para o homem desta época, era assim que se aproveitava o dia: reunindo-se com amigos, fumando, bebendo, falando de negócios e estabelecendo seu lugar dentro da classe social.

Como eu disse antes, o café aqui não é a estrela principal. Na minha pele, a fragrância é muito intensa, porém linear. Basicamente, existe um misto de café com bebida alcoólica, que se mistura às nuances esfumaçadas e de madeiras, com um leve toque de especiarias. Eu poderia resumir o resultado da seguinte maneira: café + absinto + cravo, evoluindo para um acorde de noz-moscada e muito whisky, terminando com nuances de incenso e madeiras.

Cafe Diem é uma delícia, que possui muita característica da perfumaria de nicho, além de ser extremamente envolvente e forte. Embora seja uma fragrância muito mais masculina, pode ser muito bem utilizada pelas mulheres, o que nem sempre é possível na situação inversa.

Para mim, que sou amante de um bom café, degustado com um belo licor e harmonizado com uma trufa de chocolate, este perfume é de uma qualidade ímpar. Então, peço licença, pois eu preciso fechar meus olhos e me deixar levar, mais uma vez, para uma tabacaria repleta de senhores distintos.


The following two tabs change content below.
Crítico de fragrâncias, jurado de premiações nacionais nas categorias de perfumaria fina e cosméticos masculinos, além de consultor particular de estilo em fragrâncias e criador do Perfumart, blog especializado no assunto.

Fique à vontade para deixar o seu comentário!